VOO LIBERTÁRIO

Não quero deixar de dizer o que sinto, Não posso levar o bornal cheio de palavras não-ditas, Não quero carregar sentimentos amordaçados, Não posso calar quando o desejo é gritar. Não vou sair da vida com gritos sufocados, desejos presos, ternura contida, beijos sem paixão, ternura escondida, gestos tímidos, gargalhadas reprimidas, voos não alçados… Não […]

MULHERES NAS GREVES

O Brasil nos Oitocentos, especialmente na segunda metade  do século, era um país agrícola, às voltas com vários problemas: iniciava-se a industrialização; estávamos às voltas com o regresso dos Voluntários da Pátria e as exigências dos benefícios que lhe foram prometidos; começava a Constituição do Exército e o fato de o mesmo recusar-se a caçar […]

CARNAVAL MORENO

“De braços para o alto, cabelos desgrenhados, lá vem Mário… Frevando sem parar lá vem Mário. Com ele já se abraçaram…” E a música exalta o folião famoso, que naqueles dias de folia abandonava tudo e caía na folia, encontrava os amigos iguais a ele e continuava na imensa alegria do carnaval moreno do Recife, […]